Em VIDA CRISTÃ COTIDIANA, quero dialogar sobre a prática dos ensinamentos de Jesus nos acontecimentos simples e rotineiros do dia a dia. Ótima leitura!

24 de janeiro de 2012

Como o tempo está passando em sua vida?

“Ensina-nos a contar os nossos dias de tal maneira que alcancemos coração sábio.” Sl 90: 12
          Estamos sempre contando os dias. Quanto falta para o nascimento do filho, para o aniversário, para terminar a faculdade, para  o fim do financiamento da casa própria, para acabar o ano, chegar as férias, para a viagem dos sonhos?
           Mas nesse corre, corre da vida, com a agenda lotada, separamos tempo para refletirmos sobre a vida, sobre um dia após o outro, sobre a importância de vivermos bem cada dia? De não desperdiçarmos o tempo, mas aproveitarmos da melhor forma possível a vida que Deus nos dá?
          Como o tempo está passando em nossas vidas? Muitas pessoas vivem como Carolina na música de Chico Buarque: “Lá fora, amor, uma rosa morreu, uma festa acabou, nosso barco partiu, eu bem que mostrei a ela. O tempo passou na janela e só Carolina não viu.”  Outros levam a vida como canta Zeca pagodinho: “O negócio é deixar rolar, e aos trancos e barrancos lá vou eu/ deixa a vida me levar, vida leva eu!  Há pessoas que estão assim, a vida está passando e elas não estão vendo, estão vivendo o que aparecem e de qualquer jeito.
          O desejo de Deus é que a nossa vida tenha sentido e ela só ganha sentido se vivida com sabedoria na companhia do Senhor.
          O salmo 90 é uma oração de Moisés. Foi escrita durante os quarenta anos em que o povo de Israel, por causa da desobediência, peregrinou no deserto rumo a terra prometida.
           A oração de Moisés é por um coração sábio e só alcança um coração sábio quem passa a contar os seus dias debaixo da  direção de Deus. Só se alcança sabedoria para viver, quem prioriza o Senhor no cotidiano; quem busca ter intimidade com Deus; quem se alimenta generosamente da Bíblia e faz dela lâmpada para os pés; quem entende que amando ao próximo, ama-se ao Pai; alcança sabedoria quem se enxerga como filho amado do criador.
          Colocar esse versículo em prática significa que a cada dia vou viver de tal maneira, que o mundo veja nas minhas atitudes a bondade de Jesus, pois aquele que caminha  diariamente com o Senhor se tornar uma pessoa melhor, mais humilde, mais generosa, mais misericordiosa, mais justa, mais amiga, mais serva, mais grata.
          Contar os dias com a ajuda de Deus não significa nadar num mar de rosas, nem estar imunes às intempéries da vida. Significa  porém, ter maturidade para enfrentar as adversidades com serenidade, sabendo   que Deus não pulou do barco , não nos abandonou a mercê das circunstâncias adversas, mas caminha conosco fortalecendo a nossa fé
          Seja qual for a nossa  história de vida, se for vivida ao lado do Senhor, ela ganha significado com desdobramentos para a eternidade.



19 de janeiro de 2012

Antes de falar sobre alguém...


          " O arreio na boca do cavalo comanda o cavalo inteiro. Com o pequeno leme de um grande navio o capitão consegue contornar a tormenta. Uma simples palavra pode parecer nada, mas é capaz de construir ou destruir quase tudo!
          Basta uma faísca para incendiar uma floresta inteira. Uma palavra descuidada ou indevida pode fazer o mesmo. Com nossas palavras, podemos arruinar o mundo, criar confusões sem fim, jogar lama na reputação dos outros e encher o mundo inteiro de fumaça, uma fumaça que vem das profundezas do inferno." Tiago 3: 3-6

11 de janeiro de 2012

Nem sempre é bom receber aplausos



Fico desconfiada quando vejo o mundo aplaudindo a igreja. Este não seria um sinal de que a igreja está ficando parecida com o mundo?" Bem aventurado serão vocês quando, por minha causa, os insultarem, os perseguirem, e levantarem todo tipo de calúnia contra vocês". Mt.5:11 -
Onde este versículo se encaixaria na igreja brasileira atualmente?

6 de janeiro de 2012

Amizades que ficam - Virtual ou real?


Ouvi um palestrante outro dia na televisão dizer que se uma pessoa  chegar aos setenta anos de idade e  puder contar cinco amigos nos dedos de uma mão, essa pessoa pode se considerar muito, muito feliz.
Amizade se constrói com o tempo. É preciso estar  juntos, conversando,  ajudando, se divertindo, ouvindo, compreendendo, aconselhando, chamando a atenção, perdoando, pedindo perdão...
 Fico me perguntando, como essa geração que se relaciona mais com o computador, com o telefone, com o celular conseguirá chegar aos setenta anos e contar nos dedos da mão, os amigos de verdade? Uma coisa é curtir ou comentar o status do amigo triste na tela do computador, outra coisa  é estar ao lado do amigo quando ele passar por  um momento difícil.
Não dá para construir amizades sólidas apenas no virtual, é preciso tocar o outro, olhar nos olhos do outro, sorrir para o outro, enxugar as lágrimas do outro, estender a mão para o outro.
Quantos amigos de verdade, temos hoje? Na velhice esses amigos estarão ao nosso lado para o que der e vier? A resposta depende de como nós cultivamos essas amizades. Se elas ficarem apenas no  virtual, provavelmente quando a velhice chegar nos sentiremos sós, não teremos o ombro reconfortante do amigo para inclinarmos a nossa cabeça, nos contentaremos com um simples comentário na tela do computador nos consolando.
As redes sociais, o telefone, o celular devem ser usados como mais uma ferramenta para unir os amigos e não como única forma de se relacionar.
Use  hoje a rede social para marcar um encontro com um velho e bom amigo e curta esse amigo pessoalmente. Isso é cultivar uma verdadeira amizade.
.